Beleza e Estética

Umectação Capilar - confira no DBV esta técnica de nutrição dos cabelos que combate o ressecamento e ajuda no crescimento dos fios.

05:03:00Marcia Cruz - Dicas Bem Viver


Na postagem anterior nós conhecemos o Cronograma Capilar, que é um tratamento essencial para termos os cabelos bem cuidados, bonitos e sedosos. Vimos que o processo tem três etapas - Hidratação, Nutrição e Reconstrução -, e aprendemos para quê serve cada uma delas e como colocarmos em prática os procedimentos. 

Como prometido, hoje vou falar sobre Umectação Capilar, que substitui a etapa de Nutrição com cremes e usa, diretamente nos fios, óleos vegetais extra-virgem ou manteiga vegetal. É um procedimento que promete turbinar o efeito nutritivo nos fios, e mais: ajuda também no crescimento!! Também darei dicas dos óleos mais usados no procedimento e uma receita caseira de óleo de coco com cenoura. Confira aqui no DBV!!


Umectação Capilar Na Prática

A Umectação Capilar só deve ser feita com óleos vegetais extra virgem (até mesmo o azeite de oliva pode ser usado, sendo inclusive um dos preferidos!), ou com manteiga vegetal (cacau ou karité, por exemplo).  

O processo não altera a produção de sebo no couro cabeludo e, portanto, pode ser feito em todos os tipos de cabelos, mesmo os naturalmente oleosos que, neste caso, só devem evitar a massagem com o óleo no couro cabeludo. 

O procedimento equivale a etapa de Nutrição do Cronograma Capilar. Se você ainda não sabe do que se trata, confira nossa última postagem aqui no DBV, onde explicamos o processo e damos dicas valiosas.

Vamos agora conhecer um pouco mais do processo e como fazer a aplicação de forma correta.  



Como devo aplicar o óleo ou manteiga vegetal nos fios?

A aplicação deve ser feita de forma a umedecer bem todos os fios. Separe os cabelos em mechas e garante que cada uma delas fique com os fios bem umedecidos. 

Passe um pente fino para garantir uma melhor aplicação e cobertura dos fios. 

Aplique também no couro cabeludo, massageando bem. O efeito vai ser muito melhor, pois é uma etapa de Nutrição, onde serão repostos os lipídios aos fios, como vimos na postagem anterior. No caso de cabelos oleosos, a massagem no couro cabeludo deve ser evitada, mas não o processo de umectação, que é benéfico para todos os tipos de cabelo. 

Aplicar no cabelo limpo ou sujo?

Esta é uma das grandes dúvidas do procedimento. Algumas pessoas preferem aplicar o óleo ou manteiga vegetal nos cabelos sujos, por ser mais prático. O cabelo já está sujo, aplica-se o óleo ou manteiga vegetal e lava depois, de uma só vez. 

Mas profissionais de beleza garantem que é melhor fazer a aplicação do procedimento com o cabelo já limpo, para que o produto penetre melhor nos fios.  Segundo Marlon Bruno, cabedeleiro e blogueiro, isso é uma questão de princípio universal e físico, pois "dois corpos não podem ocupar o mesmo espaço ao mesmo tempo". 

Faz sentido! Por isso, sugiro que você lave o cabelo antes da aplicação do óleo ou manteiga vegetal. Já que o objetivo é termos melhores resultados, vale a pena nos presentearmos com um pouco mais de tempo para cuidar da nossa beleza.

Use shampoo antiresíduo, como vimos na postagem anterior, que vai abrir as cutículas dos fios, deixando-os prontos para melhor receber os benefícios do tratamento. Este tipo de shampoo deve ser usado nas etapas do Cronograma, para que cada etapa tenha melhor efeito. E para fechar as cutículas, após enxaguar o condicionador, aplique vinagre de maçã. Saiba mais na postagem anterior!



Devo usar Umectação sempre no Cronograma?

Sim, pode! Como o resultado é muito melhor, a gente pode sim usar diretamente o óleo ou a manteiga vegetal, cumprindo as etapas do Cronograma e observando a necessidade dos nossos cabelos. 

Na nossa postagem anterior tem um teste super fácil para a gente saber como anda a porosidade dos fios, o que determina suas principais necessidades. Dá uma conferida!

Se seus cabelos estiverem com muito frizz, sem brilho e armado, você pode fazer o processo de Umectação Capilar toda semana. No Cronograma Capilar Oficial a etapa de Nutrição é feita 3x no mês. Depois, na etapa de manutenção, de 15 em 15 dias. Mas se seu cabelo estiver muito ressecado, faça 1x por semana durante os três primeiro meses.

Vá observando seus fios e vendo a necessidade deles. Faça o teste que já falei, pois o importante é que você observe a necessidade dos seus cabelos. 

Qual o tempo mínimo de aplicação?

Como é necessário que o óleo ou manteiga vegetal fique nos fios por no mínimo duas horas, o ideal é que ela seja feita em dias que você possa ficar um pouco mais em casa, de acordo com sua rotina. 

Ou você pode, tranquilamente, dormir com o óleo ou manteiga vegetal nos fios, usando uma touca, e retirar no dia seguinte. 

E como eu faço para tirar o óleo ou a manteiga vegetal dos cabelos?

É importante que você lave bem os fios. Nunca é bom deixar resíduos nos cabelos, em nenhuma das etapas. Só faça isto quando forem produtos sem enxágue, próprios para este fim. Que não é o caso de máscaras, nem condicionador, e nem óleo e manteiga vegetal.

Portanto, é preciso lavar bem os fios. Lave duas a três vezes, até que sinta os fios limpos. 

Depois de bem limpos, use condicionador, normalmente. E finalize com vinagre de maçã (que vai fechar as cutículas), como vimos na postagem anterior, e com protetor térmico.

É importante lembrar: não use água muito quente, nunca!! Água quente danifica os fios. Use água morna ou fria. 



Tipos de óleos para fazer Umectação Capilar

Garimpei alguns dos óleos mais usados na Umectação Capilar. Lembrando que só devem ser usados óleos vegetais 100% puros!! 

– Óleo de coco: ricos em ácidos graxos e vitamina E. É ideal para cabelos ressecados, pois hidrata e restaura a estrutura dos fios. É o mais queridinho de todos!! 

– Azeite de oliva extra virgem: rico nas vitaminas A, D, E e K, deixa os cabelos brilhantes e leves. É um dos mais usados, pois é fácil de achar, e tem excelentes resultados, pois possui antioxidantes que combatem os radicais livres responsáveis pelo envelhecimento das células. 

– Óleo de rícino (mamona): auxilia no controle de queda, no crescimento capilar e no controle de oleosidade. Tem um cheiro forte e ruim, mas pode ser acrescentada uma essência para disfarçar o desagradável aroma, pois seus efeitos são muito bons, principalmente para quem está com problema de queda de cabelo e com dificuldade de crescimento dos fios. 

– Óleo de jojoba: ideal para cabelos oleosos, combate a queda, a caspa e dá brilho. Limpa os folículos capilares e estimula a renovação capilar, controlando a oleosidade dos fios.



– Óleo de abacate: ajuda a reduzir sinais de envelhecimento e é rico em vitaminas A, D e E. Na etapa de Hidratação, você pode usar a fruta batida junto com o creme. Faça isto uma vez no mês, por exemplo. Vale a pena!

– Óleo de semente de uva: ideal para todos os tipos de cabelo, dá brilho e hidrata os fios.

– Óleo de linhaça: rico em ômega 3, hidrata, dá brilho e diminui o frizz.


– Óleo de argan: rico em vitamina E, ômegas 6 e 9, é anti oxidante.

- Óleo de Amêndoas Doce: é rico em vitaminas A e B, tem alto poder penetrante, hidrata e nutri o cabelo. Sem contar que é barato e fácil de achar. 



Receita caseira - Óleo de Coco com Cenoura

Esse óleo você pode fazer em casa com uma cenoura e um pouco de óleo de coco. 

Rale a cenoura, com casca e tudo, pois a casca tem nutrientes importantes. Coloque o óleo e a cenoura ralada numa panela e leve ao fogo médio. 

Aqueça, mexendo bem, para que saiam os nutrientes da cenoura, misturando-se ao óleo de coco. 

Depois, deixe esfriar um pouco e coe. Use o óleo ainda morninho nos fios, na forma que já expliquei.

Você pode fazer esta receita com outro óleo vegetal de sua preferência. 



Mãos à obra!!

Pois é, agora que você conferiu as dicas, é colocar em ação. 

Compartilhe conosco se experimentou e o que achou. 

Nos vemos na próxima postagem.  Cheiro!

Marcia Cruz
dicasbemviver@gmail.com  


You Might Also Like

0 comentários

Postagem em destaque

Receita:Risoto de Frango e Brócolis com arroz integral

Nosso arroz de cada dia numa receita saborosa e saudável: Risoto de Frango com Brócolis. Com arroz integral, é claro!!

Confira também!...

Formulário de contato