Beleza e Estética

Pesquisas comprovam eficiência do óleo de coco na redução de gordura corporal. Confira no DBV!

10:54:00Marcia Cruz - Dicas Bem Viver


O combate a obesidade precisa ser visto de forma mais séria. Não é simplesmente uma questão estética, mas de saúde. Estima-se que, atualmente, um bilhão de adultos em todo o mundo estejam com sobrepeso, e que cerca de 475 milhões sejam obesos. O que isto significa? Maior número de doenças e problema grave de saúde pública!

Por isso, é sempre bom noticiar pesquisas sobre o combate da gordura corporal. Principalmente quando elas surgem com alternativas simples e acessíveis à população, como é o caso destas pesquisas com o o consumo do óleo de coco na redução da gordura corporal. Confira aqui no DBV!


O que dizem as pesquisas

Duas pesquisas realizadas no Brasil estão sendo divulgadas no site oficial do 3º Meeting Brasileiro de Nutrição e Estética e apontam a eficiência do uso do óleo de coco na redução de gordura corporal.

Uma delas foi realizada em Goiás, onde foi realizada intervenção na dieta de 32 pessoas hipercolesterolêmicas a partir da adição de 30 ml de óleo de coco para consumo diário, durante 3 meses. Como resultado, de forma significativa, os indivíduos perderam peso, diminuíram índice de massa corporal (IMC), perímetro abdominal e relação abdômen-quadris.

A explicação apresentada para os efeitos positivos está na facilidade com que o ácido láurico é oxidado e a dificuldade com que é incorporado ao tecido adiposo. Os triglicerídeos de cadeia média (TCM) levariam ao gasto energético, resultando em menor ganho de peso e diminuição dos depósitos de gordura.

No Rio de Janeiro, outro estudo avaliou 116 adultos durante 3 meses, com o uso diário de suplementação, sendo uma cápsula (13 ml) de óleo de coco resultando em redução do peso corporal, circunferência de cintura (CC), IMC e circunferência de pescoço.


Pesquisa também na Malásia

Resultados semelhantes, também, foram encontrados em pesquisa realizada na Malásia, com 20 indivíduos com excesso de peso, em que os mesmos ingeriram diariamente, durante 4 semanas, 30ml de óleo de coco, apresentando uma redução significativa de CC após a intervenção.

Uso e Recomendações

Apesar de muita gente já usar o óleo de coco e afirmar que estão tendo bons resultados, em termos de estudos científicos as pesquisas existentes ainda são escassas. A maioria foi realizada em curto espaço de tempo, mas sempre com bons resultados, o que me faz perguntar se as pesquisas não vão adiante por falta de interesse do mercado, já que o óleo de coco é uma alternativa simples e barata.

De qualquer forma, é importante lembrar que nada em excesso é bom, e que a gordura saturada do óleo de coco, apesar de ter melhor composição que as outras fontes de gordura saturada, deve ter um consumo moderado. A recomendação da FAO/OMS é que a ingestão diária de ácido graxo saturado não ultrapasse 10% do valor energético total.

Também é importante lembrar que o uso do óleo de coco sozinho não funciona! Não existe mágica! Existe reeducação alimentar, atividade física e comprometimento com a saúde e o bem estar, e eles devem fazer parte do nosso dia a dia.

A FAO/OMS também recomenta que uma dieta adequada deva priorizar alimentos fontes de ácidos graxos mono e poli-insaturado ao invés de gordura saturada, com aumento do consumo de ômega-3, fibras, frutas, legumes e verduras.

Pessoalmente, acho que podemos assimilar as opções nas pesquisas apresentadas, de  30 ml de óleo de coco para consumo diário, ou o uso diário de uma cápsula (13 ml) de óleo de coco. Uma coisa ou outra, combinado?

Ideal mesmo é consultar seu nutrólogo ou nutricionista, ou seu médico ortomolecular, que serão as pessoas mais indicadas para indicar a melhor dosagem para seu caso.

Nos vemos na próxima postagem!

Cheiro!

Marcia Cruz
dicasbemviver@gmail.com



You Might Also Like

0 comentários

Postagem em destaque

Receita:Risoto de Frango e Brócolis com arroz integral

Nosso arroz de cada dia numa receita saborosa e saudável: Risoto de Frango com Brócolis. Com arroz integral, é claro!!

Confira também!...

Formulário de contato